Cirurgia por videoendoscopia: a tecnologia a nosso favor

A popularização do uso do sistema de vídeo nas últimas décadas elevou o nível de precisão em muitas áreas da medicina, mas na otorrinolaringologia, as mudanças foram enormes principalmente na área da Rinologia. Além dos exames diagnóstico ficarem mais precisos as cirurgias também tiveram um avanço enorme. Mas como é operar um nariz por vídeo? A cirurgia ocorre como de costume, em ambiente cirúrgico, com anestesia geral e paramentação adequada. Utiliza-se uma ótica rígida que é introduzida pelo nariz do paciente filmando ele por dentro e reproduzindo essas imagens em uma tela de vídeo que aumenta cerca de 10 x vezes o tamanho real.

Utiliza-se instrumentos especialmente desenhados para esse tipo de procedimento, estes também são introduzidos pela fossa nasal. O uso do sistema de vídeo aumenta a precisão dos cortes cirúrgicos e diminui comprovadamente a quantidade de sangramento, pois facilita a contenção de sangramentos (hemostasia) durante a cirurgia. Deixando a cirurgia mais “limpa” conseguimos intervir exatamente nos pontos críticos que precisam ser manipulados e preservamos mais tecido saudável no entorno.

Ao finalizarmos os procedimentos a paciente passa pelo mesmo protocolo de uma cirurgia tradicional. Fica na sala de recuperação entre 3-4 horas podendo receber alta para casa ou internação hospitalar de acordo com cada caso e conforme acordado com o cirurgião. Quando tem alta, recebe as orientações do pós operatório como de costume e retorna em consulta para revisão breve.

Compartilhar nas rede sociais
Share on Facebook
Facebook
Pin on Pinterest
Pinterest
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin